Conheça dicas de como fazer perguntas em Inglês

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Perguntas em Inglês

Fazer perguntas em Inglês pode parecer complicado, de começo. E, mesmo quem acha fácil, pode se deparar com caras feias e certa arrogância, pela outra parte.

Mas, na verdade, fazer perguntas em Inglês é algo bastante fácil e de assimilação descomplicada. Basta ter certeza do que se pretende. Daí, tudo flui perfeitamente bem.

Hoje, para destravar sua percepção, faremos o caminho mais completo: entenderemos as regrinhas básicas e fundamentais. A partir disso, caminharemos para a prática.

E nem importa seu nível de evolução no idioma. Ao final, você conseguirá não só formular perguntas, como será capaz, mesmo, de se adequar aos momentos.

Por isso, tenho um pedido a fazer: leia tudo! Tudinho, mesmo! Quando acabar, tire a prova do que aprendeu. E, se ficou alguma dúvida, não se acanhe: basta perguntar, e responderemos com prazer.

Hoje, desvendaremos as interrogações possíveis e existentes da língua inglesa. Você é meu convidado particular para esta jornada. Vamos juntos!

Fazer perguntas em Inglês funciona como em qualquer idioma

 Aprender Inglês depende de algo muito simples: reconhecer que este idioma é uma ferramenta. Afinal, todos eles o são.

A comunicação humana supera a barreira das línguas. Porque o objetivo é sempre a troca, a conexão e o entendimento.

Por isso, para fazer perguntas em Inglês, ajuda muito pensar em cordialidade e humildade. Estes são dois sentimentos que regem a harmonia, nas relações humanas.

Assim, temos que considerar que há formas e formas de perguntar:

  • Quando queremos uma resposta objetiva: ou seja, precisamos saber algo que, até então, desconhecemos;
  • Se precisamos de ajuda com algo: quando a interrogativa oculta um pedido gentil;
  • Nos casos em que somos obrigados a insistir: e a cordialidade é colocada à prova, e estamos impacientes pela resposta.

Desse modo, precisamos elencar as perguntas em objetivas e retóricas. Sendo as retóricas divididas em gentis e grosseiras.

Pensar nisso nos ajuda a evitar desconfortos. Porque todo mundo, em qualquer lugar do mundo, acaba obrigado a, eventualmente, ser menos amistoso.

Mas não queremos jamais adotar este tom, quando não há motivo. Esta barreira comunicativa ocorre em qualquer idioma. Ela foge do tema de como fazer perguntas em Inglês.

Análise e síntese da mensagem

Toda comunicação lida com:

  • Um emissor: que passa a mensagem;
  • Um receptor: quem recebe a mensagem;
  • A mensagem: em si.

Via de regra, 50% do problema está na mão do emissor; os outros 50%, na mão do receptor. A mensagem é, por definição, neutra. Diz apenas o que diz. Nada mais que isso. E exemplifico:

Imagine-se, numa contenda, insistindo na solução de um problema. Teríamos, portanto, algo parecido com isto:

Você pode, por favor, devolver minha sacola?

Vai parar?

Não acha que já chega?

Nestes casos, mais que a estrutura, são tom e postura do emissor que determinam a intenção. Podem, então, parecer perguntas objetivas, conselhos ou, até, broncas. Verdade?

E é justamente nisso que devemos pensar, ao fazer perguntas em Inglês: na intenção que será percebida pelo interlocutor.

Sabendo disso, fica mais simples compreender as nuanças comunicativas. Assim, nos tornamos mais seguros sobre como formular as perguntas, neste idioma.

Passemos, então, às estruturas utilizadas para fazer perguntas em Inglês.

As construções para fazer perguntas em Inglês

Construções para fazer perguntas em Inglês

Para fazer perguntas em Inglês, temos algumas estruturas fundamentais. Analisemos.

Fazer perguntas em Inglês sem a presença de verbos auxiliares

Aqui, temos perguntas que não demandam a utilização de verbos auxiliares em Inglês. Portanto torna-se necessário fazer uma leve alteração sintática.

Ocorre que as perguntas em Inglês precisam ser identificadas como tal desde o início. É como no espanhol, em que há, na grafia, a interrogação invertida no começo da frase.

Já no Inglês, a diferença é estrutural. Não há um ponto que indique pergunta senão no final. Trocamos, então, as posições de sujeito e verbo.

Desse modo, tanto na fala quanto na escrita, utiliza-se a entonação correta logo de cara. Veja como fica:

They are rich | Eles são ricos (afirmando)
Are they rich? | Eles são ricos? (perguntando)

Isto se aplica em todos estes casos:

  • Verbo to be: o exemplo acima ilustra bem. O princípio de inversão ocorrerá em todas as pessoas: “Am I …?”, “Are you …?”, “Is he/she/it …?”, “Are we/you/they …?”;
  • Modal verbs: com os modal verbs, a regra será idêntica. A ordem é invertida. Assim, nas perguntas, temos o verbo antes do sujeito. Vejamos exemplos:

Can you help me? | Você pode me ajudar?
Should I stay or should I go? | Devo ficar ou devo ir?, como na canção do The Clash
Will you travel this summer? | Você vai viajar neste verão?
May I have some water? | Você me serviria um pouco d’água? (em tradução funcional)

Simples, não? Basta lembrar: nas perguntas objetivas com verbo to be ou modal verbs, usa-se a ordem VERBO + SUJEITO.

Fazer perguntas em Inglês utilizando verbos auxiliares

Em outros verbos — a esmagadora maioria —, acrescenta um verbo auxiliar para fazer perguntas em Inglês. Referimo-nos, aqui, ao verbo “do”.

Nestes casos, não há inversão que vimos antes, entre verbo e sujeito. Basta acrescentar a partícula intraduzível, e formou-se a pergunta.

Como verbo principal, “to do” significa fazer. Porém, agindo como auxiliar, não se traduz. Há sua supressão, ao reproduzir as frases em português. Confira:

Do you know who I am? | Você sabe quem eu sou?
Does he go there every day? | Ele vai lá todos dias?

Observa-se, assim, a já mencionada supressão do “do”, na tradução. Ainda, pode-se perceber a conjugação diferente do verbo: I, You, We e They conjuga-se “do”; He, She e It, “does”.

Ainda, é possível usar o verbo auxiliar no Simple Past. Neste caso, apenas o verbo auxiliar fica no passado. Portanto, o verbo principal mantêm-se conjugado no presente. Veja só:

Did you go to the store yesterday? | Você foi à loja ontem?
Did you have dinner yet? | Você já jantou?

Advérbios interrogativos para fazer perguntas em Inglês

Advérbios interrogativos - fazer perguntas em Inglês

Outro modo de fazer perguntas em Inglês é utilizando advérbios interrogativos. São as question words, que exigem respostas mais informativas que “sim” e “não”.

Temos:

  • Where: onde;
  • What: o que;
  • Who: quem;
  • Why: por que;
  • When: quando;
  • Etc.

Aqui, temos construções bastante simples, como estas:

Where do you live? | Onde você mora?
What are you doing? | O que você está fazendo?
What can I do? | O que posso fazer?
Who is she? | Quem e ela?
Why are you here? | Por que você está aqui?
When did you come? | Quando você chegou?

Repare que, utilizando as question words, ainda assim seguimos os modelos anteriores: com verbo to be e modal verbs, inversão; noutros, adicionamos o verbo auxiliar “do”.

Considerando a cordialidade

Fazer Perguntas em Inglês

Neste ponto, você já aprendeu o método de formular perguntas. Todavia peço que preste atenção num dos exemplos apresentados. Especificamente, é este:

May I have some water?

Reparou como a pergunta é retoricamente formulada? Ela chega a dar uma volta longa, para evitar o entendimento de grosseria.

Não dizemos, assim, “Can you bring me some water?”. “May I have” soa muito mais gentil e despretensioso.

E digo isso porque essa consideração divide águas, ao lidarmos com nativos. Será essa delicadeza que garantirá sucesso em nossas interações.

Porém lembre-se sempre: esta é uma questão cultural. Não há regras e modelos, que possamos repassar. É necessário intimidade com o idioma, para captá-las e reproduzir.

Por isso, é de extrema importância mergulhar no Inglês por meio da arte e cultura. Leitura e audição garantirão estes e outros muitíssimos conhecimentos.

Se quer imergir mesmo, está no lugar certo. Nosso site está repleto de materiais que entregarão a você o mapa do tesouro. Por isso, navegue e esteja sempre por aqui.

Foi um prazer imenso ajudar você a melhorar o conhecimento de como fazer perguntas em Inglês.

Nos vemos em breve! Você é, com certeza, nosso aluno favorito.

See ya!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *